terça-feira, 4 de julho de 2017

Funcionários do Santander são suspeitos de fornecimento de dados de clientes para criminosos.

No vídeo divulgado, é possível acompanhar como um criminoso recebe os dados bancários de clientes. Em uma plataforma de email, os dados que aparecem são os seguintes: nome completo da vítima, número da conta corrente, CVV (código de verificação do cartão que permite, por exemplo, a realização de compras online), data de vencimento do cartão de crédito, CPF, número da agência, telefone, número celular, token do celular e senhas de seis e oito dígitos das contas bancárias.
Matéria do G1 fala sobre a ação dos bandidos.

A polícia investiga a participação de funcionários do banco.
Ao longo do vídeo, que você acompanha aqui embaixo, é possível notar a grande quantidade de dados recebidos e a facilidade no gerenciamento pela plataforma de email, no caso, Gmail, da Google. Ainda, pela data nos emails que aparecem, o vídeo deve ter sido gravado nos últimos meses.
É possível a cumplicidade de funcionários, que ajudam o grupo fornecendo informações de contas de clientes com grandes valores e que agendam retiradas de muito dinheiro de uma só vez.
adsense links